terça-feira, 4 de novembro de 2014

Isaías foi mesmo serrado ao meio?



O profeta Isaías é o autor do livro que leva o seu nome. Filho de Amoz e descendente da linhagem real, ele foi chamado na juventude para o ofício de profeta, no final do reinado de Uzias (Azarias, 790-739 a.C), durante a corregencia de Jotao (PR, 305). Isso sugere que o chamado ocorreu entre os anos 750 e 739 a.C. Seu ministério continuou por pelo menos 60 anos (PR, 310), abrangendo os reinados de Uzias, Jotao, Acaz e Ezequias (ver Is 1:1).O fato de Isaías não mencionar Manassés, cujo reinado começou em 686 a.C, e de ter estado entre "um dos primeiros a cair" no massacre liderado por Manassés sobre os que permaneciam fiéis a Deus (Profetas e Reis, 382; 2Rs 21:16), indica que seu ministério terminou logo após a morte de Ezequias, em 686 a.C.

Isaías era casado e tinha dois filhos, "Um-Resto-Volvera" e "Rápido-Despojo-Presa-Segura" (Is 7:3; 8:3). Em Jerusalém, cenário principal de suas obras, tornou-se pregador da corte e exerceu influência consideravel. Por muitos anos foi conselheiro político e religioso da nação. Seu ministério profético, junto com o de Miquéias, e, possivelmente também, a influência direta de Oséias no reino do Norte contribuiram para as reformas realizadas por Ezequias. Manassés, porém, seguiu a política ímpia de seu avô Acaz. Ele aboliu as reformas de seu pai Ezequias e tirou a vida de homens que tinham encorajado a adoração ao verdadeiro Deus. Segundo o Talmude babilonico, Isaías foi morto por Manassés (ver Profetas e Reis 382). As palavras de Hebreus 11:37, de que alguns foram "serrados ao meio", sugerem o destino de Isaías.

Vejamos o comentário da escritora Ellen White no "Signs of the Times" de 17/02/1898 que deixa ainda mais claro:

"Isaías,  a quem o Senhor permitiu ver coisas maravilhosas, FOI SERRADO AO MEIO, porque reprovou fielmente os pecados da nação judaica. Os profetas que vieram cuidar da vinha do Senhor foram, de fato, surrados e mortos. "Foram apedrejados, provados, serrados pelo meio, mortos ao fio da espada; andaram peregrinos, vestidos de peles de ovelhas e de cabras, necessitados, afligidos, maltratados (homens dos quais o mundo não era digno)" [Hb 11:37, 38]."

Extraído do Comentario Bíblico Adventista vol.4 pág. 71 e 1251 por Bíblia e a Ciência

3 comentários:

Marco disse...

Havia algum parentesco entre Isaías e o rei Manassés?

Bíblia e a Ciência disse...

A tradição rabínica mantém que Isaías era descendente da casa real de Judá e Tamar, e que seu pai Amoz era irmão do rei Amazias de Judá, sendo ele então primo do rei Uzias e neto do rei Joas. A sua alta posição se evidencia pelo seu fácil acesso ao rei (Isaías 7:3) e intimidade com o sacerdote (Isaías 8:2).
Espero ter ajudado! Abraço

Marco disse...

Agradeço. Minha dúvida é por que, certa vez, me disseram que o rei Manassés seria neto ou sobrinho-neto de Isaías, o que tornaria o assassinato ainda mais nefando. Mas se Manassés chegou a matar no fogo um filho de colo, não haveria escrúpulo que o impedisse de assassinar um tio-avô.

Postar um comentário

▲ TOPO DA PÁGINA